6.3.09

Concorrente nº 3 – Finúrias - 1º Grande Concurso da Choradeira do Outra Merda Qualquer

Mais uma fantástica entrada para o dito cujo do Concurso! Isto hoje é tudo a eito! Finúrias, Tankiu carago! Rezou o rapazola assim… -------
imagem: google
Bologueiro Vasco entrevista Valentim Loureiro Nota do Editor: Pedimos desde já desculpa a SPA por algum direito que violemos, mas como diria o Baptista Bastos esses fulanos são uns fascisóides e provavelmente no 25 de Abril estariam na rádio a ver se os tipos tinham pago os direitos de autor da Grândola Vila Morena! Directamente dos calabouços da PJ, Bologueiro Vasco entrevista Valentim Loureiro BV: Estava eu um dia no Clube da Liga e então o saudoso Gabriel Alves, que foi quanto a mim, e há que dizer isto com frontalidade, o maior lenhador da língua portuguesa em termos futebolísticos; lá vinha ele, com o seu caderninho pautado debaixo do braço, o Gabriel naquela sua maneira de ser, gingão a fazer lembrar... o Eusébio, mais velho mas meu amigo, bom e quanto a isso, há que dizer com frontalidade, um dos símbolos emblemáticos do Futebol Português, e retorquiu assim: "O retarquismo sublima o Homem e fá-lo atingir o auge na sua proporção". Bem… claro que não acreditei naquilo que estava a ouvir , para mais á primeira vez e sem se enganar, e retorqui: “Ó Eusébio já te voltaram a meter merdas na cabeça”. Serve isto, para apresentar o meu convidado de hoje, que fez tudo na vida e ao mesmo tempo, não fez nada. Já perceberam que vou conversar com o Valentim Loureiro, esse grande empresário de electrodomésticos, e que mais tarde se ligou ao mundo do Futebol, depois de perder o título de Major. Ó Valentim, tu foste um grande combatente anti-fascista, e isso é ponto assente, mas foste também um bocado fascista, ou näo?
VL: Bem eu de facto... o que se passou é que...
BV: Espera aí, eras Major de quê ?
VL: Major de quê !!! então, eu…
BV: Pois…não sabes, olha lá, perdeste o título de Major porque andavas metido com a filha e a mãe, do General, ou não ?
VL: Ó Bologueiro Vasco…tu vê lá o que …
BV: Desculpa lá, antes de me responderes, eu gostava de te contar aqui uma história curiosa que se passou em Angola no clube “Amigos da Terra” de onde saíram grandes futebolistas como o Eusébio, grande amigo meu, o Romão, mais velho, bom e o genial Coluna, era genial, há que dizer isto com frontalidade. Certo dia, entrou o Coluna com o Eusébio debaixo do braço e dá de caras com um estagiário que lhe diz: "Estão boas?". Eu achei que era importante contar isto. Mas, Valentim, estamos aqui para falar de ti, olha diz-me uma coisa, onde é que estavas no 25 de Abril?
VL: Por acaso é curioso referires isso...
BV: Não estavas é o que é…e no 11 de Março?
VL: Bom, no 11 de Março, tem graça, eu...
BV: Nessa altura já eras bissexual?
VL: Perdão ó Bologueiro Vasco...
BV: Digo bissexual na medida em que estavas envolvido com o Pinto da Costa e com a mãe dele, e ao mesmo tempo a fazer olhinhos ao Sousa Cintra. Eras o que a gente chama uma prostituta futebolística. Eras, de resto, conhecido como a maior puta do mundo do Futebol, há que dizer isto com frontalidade, não é?
VL: Desculpa lá ó BV, mas eu näo estou a gostar, enfim...
BV: Olha lá, ó minha porca trenga... onde é que estavas no dia 36 de Setembro, da parte da manhã?
VL: Bom, no dia 36 de Setembro, da parte da manhä...ó minha porca trenga?!
BV: Porca no sentido de porca futebolística, da ausência de valores, da corrupção. Tu sempre te apresentaste nesse sentido, aliás tu como homem da bola assumes essa tua faceta de molúsculo paneleiróide, pestilento, que ao fim ao cabo eu acho que és uma besta, não é? Há que dizer isto com frontalidade, és uma besta e digo-te isto com o respeito que me mereces.
VL: Desculpa lá ó Bologueiro Vasco, mas eu näo posso permitir que tu continues a aviltar a minha pessoa dessa maneira, olha que caralho! Mas enfim... eu vou-me mas é embora, porque isto é sempre a mesma coisa contigo, chiça!... foda-se!... caralho!... Para que é que me convidaste para aqui?!
BV: Ó Valentim, vai-te foder, pá!... vai levar dentro da peida!... vai fazer broches a cavalos, cabräo!...que sejas enrabado nessa tua nova casa , já agora cumprimentos ao Vale e Azevedo e ao BiBi esse outro grande paneleiróide da nossa praça, que em breve será nosso entrevistado. Bom, estavamos aqui a noite toda na conversa, há que dizer isto com frontalidade, mas temos que terminar. P'rá semana, aqui estarei para mais um Bológolos Secretos. Bom, mas antes, queria contar-vos uma história que se passou comigo em Paris, em 71, estava eu com o PAPA, outro grande suspeito anti-fascista, chefe do Vaticano, às tantas, entra o Cristo com uma ovelha debaixo do braço...hum?!... ah! já não tenho tempo para contar... bem mas esta história de não ter tempo faz-me lembrar outra história que é a história... hä?!... olha, isto de vocês me estarem a levar faz-me lembrar ainda outra história, que era que eu estava justamente em…
By: Bologueiro (Finurias) Vasco

Nota da Administração: Oh valha-me santíssimo caredo!

10 comentários:

Cem disse...

Careeeeeedo!!!

:))

Me disse...

hihihihihihihihi!!!

Finúrias disse...

Conseguir sacar um "Careeeedo" e um "ihihihih" nos tempos que correm , não é nada mau !

Obrigadinho :)))))

Me disse...

Sacaste mais que isso oh Finúrias... mas aqui, por escrito...
Eu não tem mandei um loooooolol!!???
Mandei...

Mas fica aqui também... looooooolol!!

tonto :)

Finúrias disse...

ahahahahahahaha

tonta :)

Me disse...

hihihihihihi!!
:)
pois sou!
mas tu tb és!!
HA!!!

Cem disse...

nada mau?!

bem bom!

(e não é das DOCE)

Me disse...

mas podia ser...

PKB disse...

Bem.... há que dizer isto com frontalidade... já te li coisas melhores, Finúrias... mas eu sou uma passaroca chata! (e há que dizê-lo com frontalidade)

Me disse...

PKB,
Minha frontalidade em pessoa...
:)