27.11.07

Igualdade de Oportunidades

Em nome da Igualdade de Oportunidades, aqui vai mais um presente! Gajos nus!! Mas educativos… Ainda estou naquela da missão pedagógica dirigida às massas… É conhecimento geral (ainda que este “geral” seja muito limitado) que eu adoro a publicidade. Então, vamos lá analisar umas imagens que encontrei assim por acaso e que servem perfeitamente para vos explicar alguns conceitos técnicos do meio publicitário. Imagem 1 – Anúncio Dolce & Gabbana
Como se pode ver através da imagem, o que o Sr. Dolce e o Sr. Gabbana querem fazer é vender calças de ganga que têm defeito de fabrico. Eles têm de escoar o stock porque se não perdem montes de dinheiro e a fábrica fecha. Então, escolheram uns senhores ao acaso do meio da rua num dia de maior calor (daí estarem sem camisa… e sem cuecas… mas estarem calçados). Não tiveram lá muita sorte com os senhores que escolheram, mas pronto. O dinheiro não deu para tudo pelos vistos. Ideia para campanha: temos corpo a mais para calças a menos – se não as vendermos, despedimos o director de produção e o alfaiate que fez os moldes. Imagem 2 – Possível anúncio para empresa de mobiliário

Como se pode ver através da imagem, qualquer empresa que venda mobiliário podia aproveitar esta imagem para vender cadeiras. Parecem ser confortáveis. Permitem uma boa postura. E não é preciso usar óculos de sol para se sentar nelas, o que representa uma poupança de dinheiro a curto prazo. E também não precisa usar uma toalha para se secar quando sair do chuveiro porque elas (as cadeiras) são resistentes à água, por isso pode deixar os seus longos cabelos molhados pingarem para cima das ditas cujas (cadeiras) que não há problema! Ideia para campanha: Senta aqui, senta, para eu te mostrar o resto do catálogo… senta. Imagem 3 – Possível anúncio para marca de tinta

Como se pode ver através da imagem, a tinta utilizada transmite calma, paz e sossego. O rapazito da imagem simboliza o homem moderno que, mesmo tendo acabado de pintar as referidas paredes, ainda se mantém com ar imaculado e, ainda por cima, com um belo par de “fuck me eyes” (termo técnico publicitário para carinha laroca). Tudo possível por causa da qualidade e textura das tintas utilizadas e que também você pode ter em sua casa! Ideia para campanha: Pintem a parede e vejam lá se apanham o pintor a baldar-se para ver se esta coisa fica mais barata. Imagem 4 – Possível anúncio para marca de boxers Como se pode ver através da imagem, este senhor acabou de tirar um par de boxers que o magoaram na zona da anca, deixando marca feia por causa dos elásticos pouco ergonómicos. Neste caso, utiliza-se um exemplo do que poderia acontecer a um homem caso não utilize um certo produto*. Assim, o anunciante podia demonstrar uma das vantagens de usar o produto deles: boxers feitos como deve ser, de elevada qualidade, que assentam bem no corpo de qualquer homem normal. Ideia para campanha: mostrar o sofrimento e desconforto causado pelo uso de peças de indumentária interior desadequadas. *Nota da Autora: Ela sabe perfeitamente o que poderia acontecer àquele homem se não estivesse a usar produto nenhum… Imagem 5 – Renovação da imagem do Pai Natal por parte de empresa ligada aos transportes

Como se pode ver, esta imagem podia ser aproveitada para dar um novo e mais moderno ar à já gasta e desgastada imagem do velho Pai Natal caso houvesse uma OPA ao Natal por uma qualquer empresa ligada à área dos transportes. Assim, despediu-se o Rudolfo (porque a palha é cara e ele come que se alarva) e equipou-se o novo Pai Natal com um par de asas a gasóleo para poupar nas viagens (aliás, apanharam-no numa das suas viagens, bem no meio de uma nuvem fofa). A corda à volta dos punhos é a que ele usa para rebocar o saco dos presentes. O ar concentrado dele simboliza o esforço que tem de fazer para se lembrar das moradas de todas as meninas que se portaram mal ao longo do ano para ir lá fazer visita e explicar que isso assim não pode ser. Como também se pode ver, já não há o fato vermelho. Não há necessidade. Estamos em Portugal, não no Pólo Norte, porra! E também já não há Invernos como antigamente, por isso, pode-se muito bem poupar nos adereços (ou seja, a nova gerência é sovina e a agência de publicidade que se lixe!) Ideia para campanha: promover a imagem de um Pai Natal moderno, mais ecológico e poupadinho, com patrocínio de empresa de transportes preocupada com o ambiente. E aí têm! Agora quero ver se ainda dizem que aqui não se aprende nada!
(imagens: google)

1 comentário:

Anónimo disse...

http://site.ru - [url=http://site.ru]site[/url] site
site