11.9.07

É só um segundo, sim?

imagem: google
Bem… pelos vistos tenho de interromper a greve para fazer uma actualização à coisa. Ok, pronto. Tenho pessoal a chatear-me para voltar… mas não o fazem aqui, não. Fazem-no por e-mail ou no msn!! Claro!! Engordar o meu blog é que não!!! Oh, pá. Então, vá. O que é que se tem passado nestes dias de fomeca? Vou-vos contar: - Temos estagiária que, por ganhar dores nas costas, quer trazer uma daquelas bolas para fazer yoga… para o escritório… para se esticar… Pessoalmente, não tenho nada contra nem a estagiária nem a bola. Aliás, até vou gostar de a ver a rebolar de um lado para o outro, a esquivar-se a mesas e cadeiras, a cabos de pc, à máquina do café… talvez eu própria arranje uma e possamos fazer corridas à hora de almoço!! - Temos ido, à hora de almoço, a um cafezito engraçado aqui em Santos para poder ver a MTV. Estamos completamente viciadas naquele programa “My Sweet…” qualquer coisa. Normalmente vêem-se miúdas a organizar festas de anos (15 anos…) que custam 65 mil dólares e coisas assim. É engraçado. Saímos do nosso mundinho, voamos até outro e depois, quando saímos à porta, bate-nos logo a realidade… Isso e o fedor a mijo e não só que esta zona possui… mas disso já eu falei…. Tudo na mesma… - Ainda não vendi a minha casa, nem estou mais perto de o fazer, claro. Já pensei em fazer um sacrifício animal na varanda… galinhas e cabras e sei lá o quê… mas o condomínio já disse que depois tinha de limpar a fachada… Estraga prazeres. Eu sugeri passar lá um Sábado à tarde nua, na varanda, a gritar “Vende-se Porra!!” e aí ninguém disse nada. - Os meus amigos da EMEL atacaram outra vez. Coitados. O trabalho que lhes deve dar perseguir o meu carro para o “multarem” por falta de pagamento. Vou começar a deixar um papelinho a dizer “não faço intenções de pagar o estacionamento, muito menos as multas, por isso, meu amigo, pense bem antes de gastar mais um bocado de papel, antes de matar mais uma árvore, ao passar-me esse “aviso de pagamento”. Ehhh.
- Entupiu-se a sanita numa das casas de banho aqui no estaminé. Engraçada a analogia com o resto da minha vida, mas pronto…
De qualquer das formas, foi aqui a Je que, tendo-lhe dado vontade de ir verter águas (e apenas águas porque essas outras vontades só me dão em casa… o que é bom e mau ao mesmo tempo… mas pronto), reparou que estaria objecto ahh… como dizer isto?.... produzido pelo corpo humano de algum utilizador/a daquela casa de banho (eu até estava para usar a palavra “cagalhão”… mas isso seria demasiado mau… assim está melhor) a bloquear a passagem da água e papel higiénico para o sistema de esgotos da cidade de Lisboa. Tendo reparado a tempo neste pormenor técnico, dirigi-me à outra casa de banho, sentindo-me lisonjeada (entre outras coisas) por ainda haver gente que goste de partilhar a sua intimidade com os colegas de trabalho. Ainda por cima, azar dos azares, é logo nesses momentos de partilha que a sanita entope. Que merda, huh? - O Big e o X’Quim estão bem, obrigada. Eles comem. E prontes! Vou voltar para a minha gruta e lamentar a minha pouca sorte em ter leitores tão pouco expansivos e participativos. Sniff! Sniff!

2 comentários:

SuperCat disse...

palmas para aquela que deixou a greve e voltou a dar a alegria(tal que até chorei)aos leitores assiduos mas que contam pouco para as estatisticas por só valerem meio ponto!

Me disse...

Oh, Miss Felina... Claro que contas mais do que meio ponto... mas isso não me mete pão na mesa... por assim dizer...
Mas é mais do que óbvio que gosto e adoro que cá venhas.
E não chores, miga. Quer dizer... chora, chora. Quanto mais choras, menos mijas e isso ainda é o melhor tendo em conta o estado dos WCs por estas bandas...
BEIJOS!!