18.8.08

Curiosidade (actualizada)

imagem: google (esta é muito melhor do que a anterior...)
Li recentemente esta frase... um ditado qualquer Finlandês...
Fez tanto sentido para mim que decidi partilhar convosco.
"Para um homem com um martelo, tudo parece um prego"
Os Finlandeses percebem disto. Gostei.

4 comentários:

Vitor disse...

O problema é que para as mulheres com um homem na mão, tudo merece um martelo!

Ao contrário dos finlandeses as mulheres percebem muito pouco!

Me disse...

Hmmm... Interessante analogia.
Sabes uma coisa? Eu acho que o pessoal definitivamente só dá valor ao que não tem ou então ao que perde e depois descobre que queria continuar a ter. Os martelos das mulheres são "redes de segurança". Preciso de te martelar e fazer sofrer para que eu perceba que gostas de mim e queres continuar comigo... Entendes? Não sei se me expliquei como deve ser...
Mas deixa lá isso. De certeza que os homens e mulheres finlandesas também têm os seus "pregos para martelar"
:)

Anónimo disse...

Cada um escolhe o "martelo" que mais lhe agrada:

“Martelo Alagoano”
Sou um nego um bocado esbagaçado
Sou o vatis das glórias desta terra
Sou a febre que chama berra-berra
Mastigando eu sou cobra de viado
Sou jumento pru fora do cercado
Sou tabefe que dero em seu Lameu
Se tiver bom guardado bote n'eu
Seu caminho de bonde ruim, estreito
Você hoje me paga o que tem feito
Com os poetas mais fracos do que eu

Mas de trinta da sua qualistria
Não me faz eu correr nem ter sobrosso
Eu agarro a tacaca no pescoço
E carrego pra minha freguesia
Viva João, viva Zé, viva Maria
Viva a lua que o rato não lambeu
Viva o rato que a lua não roeu
Zé Limeira só canta desse jeito
Você hoje me paga o que tem feito
Com os poetas mais fracos do que eu

Zé Ramalho

Me disse...

Olá Zé Ramalho,
Esse agradou-me. Especialmente pela surpresa que foram as seguintes linhas:
Viva a lua que o rato não lambeu
Viva o rato que a lua não roeu

Martelos à parte, acho que andamos todos às pancadinhas na mesma. Ver se alguem cai...
Talvez não esteja nos meus dias.

Obrigada pela visita e pelo comentário.
Gostei mesmo.